Ministério do Turismo e Governo de Minas Gerais apresentam:
RESGATE SEU LIVRO

Com mais de 40 anos de carreira, o escritor mineiro tem cerca de 20 livros publicados, em que focaliza o jeito, a fala e a vida no interior de Minas

A Bienal Mineira do Livro, que será realizada de 22 a 31 de maio, no BH Shopping, Piso Ouro Preto (BR 356, n.º 3.049 – Bairro Belvedere – Belo Horizonte), anuncia o escritor Olavo Romano como homenageado da edição 2020 da iniciativa

Com o tema “Conquiste Paixões. Leia Livros”, a iniciativa chega à 6ª edição e promete, durante os dez dias de programação, transformar Belo Horizonte na capital nacional da literatura. A iniciativa é realizada pelo Grupo Asas em parceria com Câmara Mineira do Livro e é viabilizada por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

Conforme destaca Marcus Ferreira, diretor geral da Bienal, “neste ano em que Minas Gerais completa 300 anos, a escolha de Olavo Romano está alinhada a uma data importante para os mineiros e, certamente, sintetiza a presença da alma de nosso estado em nossa apaixonante Bienal. Um escritor dedicado às coisas e aos casos de todos os cantos de Minas Gerais estará conosco. Ele compartilhará com os visitantes da Bienal a sua presença marcante, iluminada e afável, e nos brindará com as belas histórias oriundas da sua rica produção literária. ”

Gláucia Gonçalves, presidente da Câmara Mineira do Livro e editora da Uni Duni e Unicult Editoras, ressalta a importância da escolha do homenageado. “Estamos muito felizes por termos um mineiro muito especial como homenageado, o Olavo Romano. Um poeta, um escritor, de suma importância para Minas e para o Brasil. Ele resgata os nossos valores e nossa identidade como mineiros, com seus causos, casos e histórias”.

Para Rogério Faria Tavares, presidente da Academia Mineira de Letras, “quando o homenageado da Bienal Mineira do Livro de 2020 é um presidente emérito da Academia Mineira de Letras, a casa se sente honrada, orgulhosa e feliz. Olavo Romano, ao longo de sua carreira literária dedicou a Minas Gerais o melhor do seu trabalho, o melhor da sua inteligência e de sua criatividade. A obra de Olavo é dedicada a Minas Gerais, dedicada aos mineiros de todos os lugares, de todas as vilas, de todos os distritos de nosso imenso território. Olavo escreveu sobre a cultura de Minas, sobre os hábitos, os costumes, as histórias, as memórias e é tudo isso que vamos celebrar na Bienal Mineira do Livro de 2020, momento de celebração da cultura e da arte de Minas Gerais”.

Olavo Romano celebra o reconhecimento de sua trajetória literária pela iniciativa. “Quero registrar da minha alegria em ser homenageado na Bienal Mineira do Livro 2020. Nesse momento de encontro, de confraternização, de troca de experiências, de quem lê, quem escreve e quem quer escrever. Nesse momento de grande encontro em torno do livro, das histórias, das experiências. A Bienal é uma oportunidade para quem quer conhecer novos autores e os escritores de Minas e do Brasil que têm contribuído para uma literatura de poder, de força e de energia. Para enriquecer a vida”.

Olavo Romano

Nascido em Morro do Ferro, distrito do município de Oliveira, Olavo Celso Romano estudou Direito (PUC-MG), Administração (mestrado na FGV-RJ), Inglês (proficiência pela Universidade de Michigan) e Planejamento Educacional (Banco Mundial). Depois de longa permanência nos Estados Unidos, voltou a Minas Gerais, onde ocupou cargos públicos e trabalhou em empresas importantes. Lecionou Inglês em vários colégios e Administração na PUC-MG. Fez carreira no serviço público, aposentando-se como procurador do Estado.

Em Belo Horizonte, divide o tempo entre a família – sua esposa, dois filhos e seis netos – e os amigos. Um de seus orgulhos é o grupo de parceiros que se encontra toda semana há quase duas décadas, em cafés pela Savassi.

Trajetória literária

A partir de 1979, publicou seus casos mineiros e textos poéticos no Estado de Minas, no Jornal de Casa, nas revistas Globo Rural, Palavra, Cícero, IstoÉ e Veja.

Possui quase 20 livros publicados, oito deles amplamente adotados em escolas de Minas e de outros estados. Entre as obras adotadas em escolas, focaliza o jeito, a fala, a vida no interior mineiro: Casos de Minas, Paz e Terra, SP, 1982, 6a ed.; Minas e seus casos, Ática, SP, 1984 (esgotado); Dedo de prosa e Prosa de mineiro, Lê, 1986 (esgotados); Os mundos daquele tempo, Atual, SP, 1988, 6a ed; Um presente para sempre, Atual, SP, 1990, 14a ed., e Memórias meio misturadas de um jacaré de bom papo, Dimensão, BH, 2002.

É sócio-fundador e inscrito nº 2 do Sindicado de Escritores de Minas Gerais e foi presidente da Academia Mineira de Letras de 2014 a 2016, onde ocupa a cadeira número 37 e atua como tesoureiro.

Além dos casos mineiros, que identificam fortemente sua obra, Olavo Romano participa ativamente de grupos de contadores de história. O escritor vem compartilhando seus achados com estudantes, trabalhadores, empresários, profissionais liberais de diversas áreas.

Com o concertista Roberto Corrêa, desenvolveu, pelo interior de Minas, o projeto “Causo, Viola e Cachaça”, do SEBRAE/AMPAC. Com o projeto Minas Além das Gerais, do Governo Estadual, apresentou-se em Brasília, no Rio de Janeiro e em São Paulo. No Sempre um Papo, animou concorridos saraus por inúmeras cidades mineiras.

Solidificou ricas parcerias com músicos como Pereira da Viola, Chico Lobo, Lu e Celinha, apresentando-se em shows, em que a melodia das violas e flautas se harmoniza com seu jeito despojado de contar “causos”.

Escreveu prefácios e apresentações de várias obras. O livro “Pés no Caiçara, um olhar sobre a Pampulha” foi lançado dia 15 de outubro de 2003. Atualmente, está editando “Manuelzão – o último tropeiro”, com apoio financeiro da Usiminas. “No Rastro de Manuelzão” é versão resumida, escrita para a Editora Dimensão e inscrita em concorrência no MEC.

Seu conto “Como a gente negoceia” gerou o curta-metragem Negócio Fechado, premiado no festival de Gramado de 2001. O grupo “Carbono 14” filmou 30 histórias da obra de Romano para distribuição gratuita em bibliotecas, escolas e centros culturais.

Bienal Mineira do Livro 2020

Com nova proposta ainda mais completa, inclusiva e inovadora, a Bienal Mineira do Livro será realizada de 22 a 31 de maio, no BH Shopping, Piso Ouro Preto (BR 356, n.º 3.049 – Bairro Belvedere – Belo Horizonte). Com o tema “Conquiste Paixões. Leia Livros”, a iniciativa chega à 6ª edição repleta de novidades e prepara uma programação intensa com atividades para todos os públicos.

Uma das principais iniciativas literárias do Brasil

Entre as novidades desta edição, a Bienal Mineira do Livro 2020 está de casa nova e será realizada no BH Shopping, em um espaço de 15 mil metros² e reunirá as mais importantes editoras, distribuidoras e livrarias do Brasil, além da participação de autores representativos da literatura mineira, brasileira e internacional.

Com programação cultural e educativa abrangente, consistente e inovadora, a 6ª edição da Bienal promoverá atividades e atrações que vão agradar os leitores de diversas faixas etárias, incluindo educandos e educadores. “Trata-se de uma iniciativa repleta de encontros enriquecedores com os livros e inúmeras vivências literárias, que será realizada em um local muito especial e com a missão de contribuir para a construção de legados por meio do estímulo à leitura”, afirma Marcus Ferreira, diretor presidente do Grupo Asas.

Sobre o Grupo Asas

Com o objetivo de contribuir para o enriquecimento da educação e da cultura no Brasil, surgiu, em 02 de abril de 1986, a Asas Produções. A entidade foi o primeiro passo para a criação de outras cinco empresas que hoje compõem o Grupo. Nos últimos cinco anos, o Grupo Asas obteve reconhecimento internacional para três de suas iniciativas: Túnel da Ciência – Sociedade Max Planck (realizado em parceria com o Governo da Alemanha); Conhecer Para Cuidar e Vem Com a Gente. Nesses mais de 33 anos de existência, o Grupo Asas realizou 40 projetos com a participação de mais de 2 milhões de crianças, jovens e adultos dos estados de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Goiás, Bahia e Rio Grande do Sul.

SERVIÇO

Bienal Mineira do Livro 2020

Data: 22 a 31 de maio

Local: BH Shopping, Estacionamento Piso Ouro Preto – BR 356, nº 3.049 – Bairro Belvedere – Belo Horizonte

Site: www.bienalmineiradolivro.com.br

Contato: contato@bienalmineiradolivro.com.br

Assessoria de Imprensa – Bienal Mineira do Livro:

ETC Comunicação
(31) 2535-5257

imprensa@bienalmineiradolivro.com.br

Jihan Kazzaz e Luciana d’Anunciação

NOVIDADES

Fique por dentro de tudo que irá acontecer na Bienal Mineira do Livro 2021. Assine nossa newsletter!
Incentivo
Apresentação
Patrocínio Cultural
Escolas na Bienal
Encontro Educação
Mais Idade, Mais Livros
Café Literário
Agenda Cultural Ibero-americana
Momento Jovem
Espaço Negócios
Espaço Eu Criança
Palavras com Tempero
Biblioteca Viva
Estações Vivenciais
Apoio
Realização
Último